Brindes de Cultura

Brindes de Cultura: Textos elaborados, dados concretos e opinião sobre Enologia, Vitivinicultura e agronomia

Sobre o Autor:

Minha foto
Santa Maria, RS, Brazil
Acadêmico de Agronomia UFSM, atuando na área de Enologia e Vitivinicultura. Um homem de opinião.

Os Vinhos de Pinto Bandeira


     O Município de Pinto Bandeira na Serra gaúcha, antigo distrito de Bento Gonçalves, é referência quando se trata de vinhos espumantes, a Indicação Geográfica veio a valorizar ainda mais os produtos da região e diferenciá-los no mercado.


     Há a ocorrência de um microclima, causado pela boa altitude, em torno de 800 metros, solo com excelente drenagem devido às declividades da montanha, boa amplitude térmica e posição solar ideal. Estes fatores permitem uma excelente composição do vinho base, com maior acidez e menor graduação alcoólica, elaborado principalmente com uvas Chardonnay, Riesling Itálico e a associação com a tinta Pinot-noir.


     Para a Indicação de Procedência foi necessária uma análise técnica de aspectos que garantem a qualidade dos Vinhos de Pinto Bandeira. As áreas de plantio devem estar acima de 500 metros de altitude, onde o clima se torna mais ameno e as colheitas ligeiramente tardias.




     A delimitação da área geográfica, o sistema de produção vitícola utilizado, área de produção e cultivares autorizadas, qualidade das uvas para vinificação, sistema de produção e área geográfica de elaboração vinícola, envelhecimento e engarrafamento, são critérios de qualificação dos vinhos considerados para o enquadramento na Indicação Geográfica.

     O método de elaboração dos vinhos espumantes predominantemente é o tradicional de fermentação na garrafa “Champenoise”, que contribui para proporcionar maior complexidade aos espumantes, cuja elevada qualidade já é reconhecida conquistando vários prêmios internacionais nos últimos anos e o reconhecimento dos mais seletos consumidores.


     Além de vinhos espumantes, também são produzidos vinhos tintos, destacando-se o Cabernet franc e vinhos brancos de alta qualidade. Há também uma pequena produção de Brandy, que são favorecidos ao envelhecimento pela a acidez natural das uvas da região.

     O próximo passo dos produtores é o desenvolvimento do enoturismo na região e a busca pela Denominação de Origem Controlada (DOC), para valorizar e reconhecer ainda mais o terroir de Pinto Bandeira. É o Brasil se tornando referência mundial no nosso maior produto enológico, os vinhos espumantes. Um brinde aos Vinhos de Montanha brasileiros!